Epifania do Senhor Jesus.


DIADEREIS[1]


Os Três Reis Magos


Reis_Magos_031

Dia dos Reis Magos


Segundo a tradição, os Reis Magos eram três: Gaspar, cujo nome significa “Aquele que vai inspecionar”; Melquior, que quer dizer; “Meu Rei é Luz”; e Baltazar, que se traduz por “Deus manifesta o Rei”. Tudo indica que os Magos eram sábios procedentes da Babilônia. A referência “a visita dos Magos” encontra-se assim descrita em Mateus:

“Tendo Jesus nascido em Belém da Judeia, no tempo do rei Herodes, eis que vieram magos do Oriente a Jerusalém, perguntando: “Onde está o Rei dos judeus recém-nascido? Com efeito, vimos a sua estrela no céu surgir e viemos homenageá-lo”. (Mt 2,1-3ss.; cf. Lc 2,1-7).”

A intenção do evangelista é mostrar que os pagãos, os gentios, os povos que viviam além das fronteiras de Israel, reconhecem Jesus como Rei-Messias. Ao passo que o povo judeu rejeita o Salvador nascido em seu seio.

Outro incenso e mirra simbolizam as riquezas e os perfumes da Arábia, oferecidos como tributo ao Rei dos Reis, Jesus. Os Padres da Igreja vêem no outro o símbolo da realeza de Jesus; no incenso, a sua divindade; e na mirra, a paixão de Cristo.

Na adoração dos Magos cumprem-se as profecias messiânicas: Eu vejo – mas não agora, eu contemplo – mas não de perto: um astro procedente de Jacó se torna chefe, um cetro se levanta, procedente de Israel. (Ns 24, 17ss.; cf. também Isaías 49,23; 60, 5s.; Salmo 72, 10-15).


Dos Reyes Magos por Mr.Frankie.

A origem da Comemoração do Dia de Reis leva-os há muito tempo atrás. Segundo a primitiva liturgia, no dia 6 de Janeiro celebrava-se a comemoração do Natal, da Epifania ou manifestação de Deus, o Baptismo de Jesus e o milagre das Bodas de Canaã. Só a partir do séc. V é que a adoração dos Reis Magos começou a ser celebrada no Ocidente. Foi também nessa altura que se decidiu separar a Epifania do Natal, que passou para o dia 25 de Dezembro.

No início, os Reis Magos eram representados quase sempre por dois, quatro ou seis personagens e unicamente como magos. O número três só ficou estabelecido a partir do séc. IV. Os nomes pelos quais hoje são conhecidos surgiram apenas um século depois e até o século VI não se encontram registos do título de reis. No séc. XVI foi introduzido o traço racial, aparecendo pela primeira vez um Baltazar preto. Os três reis foram identificados como Sem, Cam e Jafé, os três filhos de Noé, que segundo o Antigo Testamento, representavam as três raças que povoavam o mundo. Desta forma, Melchior, o ancião de cabelos brancos, simboliza os herdeiros de Jafé, os europeus que oferecem ao Menino Jesus um presente de ouro que testemunha sua realeza. O louro e jovem Gaspar representa os semitas da Ásia, cujo bem mais apreciado é o incenso, símbolo da sua divindade, e Baltazar, negro e com barba, identifica-se com os filhos de Cam, os africanos, que entregam a mirra, em alusão à paixão e ressurreição.



A Bíblia relata como uma estrela guiou os três Reis Magos desde o Oriente e indicou o lugar onde se encontrava o Menino Jesus ao deter-se sobre o presépio. Muitas são as teorias que tentam explicar este milagre. Entre elas, está a de que se tratava do brilhante planeta Vénus, da passagem dos cometas Halley ou Hale-Bopp, de uma supernova, uma ocultação da Lua… Uma das hipóteses mais aceites foi a proposta por Johannes Kleper em 1606. Segundo este astrônomo, tratar-se-ia de uma rara tripla conjugação da Terra com os planetas Júpiter e Saturno, passando o Sol nesse momento por Peixes. Esta conjugação apresenta-se aos olhos do observador terrestre como uma só estrela muito brilhante. Outra hipótese mais recente é a de que se tratava de uma nova estrela brilhante observada próxima da estrela Theta Aquilae. A estrela de Belém é relembrada situando-a tanto na representação do presépio como na ponta da árvore de Natal.


PRESENTEPRAVOCE http://presentepravoce.files.wordpress.com/2008/12/sag-fam-lk.jpg?w=130&h=120&h=120

EPIFANIA



Jesus Jesus

Oração pelas Mães.

MÃEZINHA QUERIDA!

Oração pelas mães

Jairo Pessoa Guimarães

Quão bendito és Tu Senhor, que nos trouxestes para este mundo, por obra e graça da tua bondade e do teu amor.
Bondade e amor, expresso pelo dom da maternidade de nossas mães.
É por isso que te louvamos Senhor, pela graça e benção de nossas mães.

Por amor maternal nascemos e sobre esse manto vivemos.
Mães que nos conceberam e nos conduziram os primeiros passos.
Mães que nos dedicaram o amor que vem de Ti, por obra da Tua Criação.

Deus bondoso, te louvamos por nossas mães.
Mães que amam, que sofrem, que esperam.
Que se impacientam, que riem e que choram.
Mães que te agradecem o fruto da vida, e por ele se doam.

Deus de infinita bondade, hoje e sempre, te pedimos.
Abençoe todas as mães do mundo.
Ricas e pobres, em todos os lares.
Em todos os cantos, em todos os chãos.
Quem recebeu o seu amor, nunca esquece.

O amor que ensina, que repreende, que se doa e que o entrega ao mundo.
Cumprindo um ciclo de divindade.
Da obra de tua criação.
Amor, mãe e Deus.
Amor de mãe.
Mãe de amor.
Deus de amor.
Mãe dádiva de Deus, dádiva de amor.
Abençoados por Deus, sejam os teus dias, mães de todos nós.

FELIZ DIA DAS MÃES!

Fonte: De Tudo Um Pouco

Veja também.




Maio, més dedicado a Maria e às Mães.

Devoção do Mês de Maio

Terceiro Dia

Oração Preparatória


Maio

Abri, Senhor, os nossos lábios, para que dignamente louvemos o Vosso Santo Nome, na veneração da Santíssima Virgem Maria. Purificai nossos corações de todos os pensamentos perversos, vãos e inúteis. Iluminai o nosso entendimento, inflamai a nossa vontade, para que possamos fazer a nossa oração com verdadeira humildade, firme confiança e fervorosa devoção e mereçamos ser atendidos e bem despachados perante o Augusto Trono da Vossa Divina Majestade. Por Jesus Cristo Nosso Senhor.
Amém.

Oração de Oferecimento

Virgem Santíssima, gloriosa Mãe de Deus, ó Maria! Eis-nos diante de Vós novamente reunidos para manifestar-Vos a nossa veneração e o nosso amor. Alegramo-nos pela alta dignidade e glória a Vós concedida pelo Deus todo-poderoso. Louvamos e bendizemos ao Senhor, por nos ter dado a Vós por Mãe, por ter adornado do mais perfeito amor o Vosso Puríssimo e Sagrado Coração.

Consagramos a Vós, Virgem Santíssima, todos os dias deste mês e especialmente o dia de hoje. Hoje e sempre Vos escolhemos por nossa protetora e intercessora junto a Jesus, Vosso Filho. A Vós consagramos nosso coração, nosso corpo e nossa alma. Em Vossas mãos entregamos todas as nossas esperanças e consolações, todas as nossas aflições e tribulações. A Vós recomendamos a nossa vida inteira e em particular os últimos instantes dela. Mostrai ser nossa Mãe! Ao Vosso patrocínio recomendamos a Santa Igreja Católica, especialmente o Papa Bento XVI, todos os bispos, o clero secular e regular, e as benditas almas do purgatório.

Compraza-se o Vosso carinhoso Coração nos nossos cânticos e piedosas orações. Juntamo-las neste mês às orações de todos os fiéis e aos louvores que os Anjos no Céu oferecem a Vós, sua amabilíssima Rainha. Alcançai-nos a graça, a maior de todas, de sermos fiéis a Vós e a Vosso Filho até a morte, para que possamos louvar e amar convosco no Céu a Jesus, Vosso Filho e a Santíssima Trindade, por todos os séculos dos séculos.
Amém.

Terceiro dia

A Imaculada Conceição da Santíssima Virgem

1. Consideremos a graça concedida a Maria na concepção. Por um privilégio só a ela concedido, foi preservada do pecado original, de que todos nascem manchados. A qualidade de Mãe de Deus, para a qual Maria estava destinada, exigia tão gloriosa prerrogativa. Aquela que devia dar ao mundo o Deus de toda a santidade, que era destinada a esmagar a cabeça da serpente infernal, não devia ser nem por um só momento escrava do demônio, inimiga de Deus e filha da perdição. Por isso, Deus devia abrir uma exceção da regra geral e não permitir que o pecado original manchasse a alma daquela que mais tarde devia ser a Mãe de Jesus.
Maria Santíssima foi concebida e nasceu santa e pura e sem mancha do pecado original.

2. A Santíssima Virgem era Mãe de Deus, elevada pois à mais alta dignidade, que uma criatura pode galgar, mas a prerrogativa da Imaculada Conceição, a isenção do pecado original, parecia-lhe – conforme dizem os santos doutores – mais preciosa do que todas as outras dignidades e grandezas. Teria preferido à própria maternidade divina a graça de ser livre do pecado original. A mais elevada dignidade não lhe parecia uma compensação digna pela desgraça de estar, embora por pouco tempo, em estado de pecado.
Aprendamos da nossa venerável Mãe a temer e aborrecer o pecado mais do que todas as outras desgraças.

3. Quanto fez Maria para conservar esta graça! Conquanto isenta não só do pecado original, mas também da inclinação para o mal, passava contudo uma vida laboriosa e mortificada, para evitar a mínima tentação exterior. Amava a vida penitente e solitária, rezava e trabalhava. Que exemplo para nós! Tomamos também as precauções necessárias para evitar os pecados? Nascemos com o pecado original, sentimos o estímulo das nossas paixões, temos uma inclinação violenta para o mal e, apesar de tudo isso, não fazemos os necessários esforços para evitar as ocasiões próximas do pecado.
Quanta leviandade!
Recorramos a Maria para que ela nos inspire um horror do pecado e nos alcance a força moral para resistir às tentações.
Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós!

Rezemos 3 Ave-Marias para obter um grande horror do pecado.

Nossa Senhora

Orações finais

Ladainha de Nossa Senhora

Senhor, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo ouvi-nos,
Jesus Cristo ouvi-nos,
Jesus Cristo atendei-nos,
Jesus Cristo atendei-nos,
Deus Pai dos Céus, tende piedade de nós.
Deus Filho Redentor do mundo, tende piedade de nós.
Deus Espírito Santo, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Santa Maria, rogai por nós.
Santa Mãe de Deus, rogai por nós.
Santa Virgem das virgens, rogai por nós.

Mãe de Jesus Cristo, rogai por nós.
Mãe da divina graça, rogai por nós.
Mãe puríssima, rogai por nós.
Mãe castíssima, rogai por nós.
Mãe imaculada, rogai por nós.
Mãe intacta, rogai por nós.
Mãe amável, rogai por nós.
Mãe admirável, rogai por nós.
Mãe do bom conselho, rogai por nós.
Mãe do Criador, rogai por nós.
Mãe do Salvador, rogai por nós.
Virgem prudentíssima, rogai por nós.
Virgem venerável, rogai por nós.
Virgem louvável, rogai por nós.
Virgem poderosa, rogai por nós.
Virgem benigna, rogai por nós.
Virgem fiel, rogai por nós.
Espelho da justiça, rogai por nós.
Sede da sabedoria, rogai por nós.
Causa da nossa alegria, rogai por nós.
Vaso espiritual, rogai por nós.
Vaso honorífico, rogai por nós.
Vaso insigne de devoção, rogai por nós.

Rosa mística, rogai por nós.
Torre de Davi, rogai por nós.
Torre de marfim, rogai por nós.
Casa de ouro, rogai por nós.
Arca da aliança, rogai por nós.
Porta do Céu, rogai por nós.
Estrela da manhã, rogai por nós.
Saúde dos enfermos, rogai por nós.
Refúgio dos pecadores, rogai por nós.
Consoladora dos aflitos, rogai por nós.

Auxílio dos cristãos, rogai por nós.
Rainha dos Anjos, rogai por nós.
Rainha dos patriarcas, rogai por nós.
Rainha dos profetas, rogai por nós.
Rainha dos apóstolos, rogai por nós.
Rainha dos mártires, rogai por nós.
Rainha dos confessores, rogai por nós.
Rainha das virgens, rogai por nós.
Rainha de todos os santos, rogai por nós.
Rainha concebida sem pecado, rogai por nós.
Rainha do Santo Rosário, rogai por nós.
Rainha da Paz, rogai por nós.
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, perdoai-nos Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, ouvi-nos, Senhor,
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.

V. Rogai por nós, Santa Mãe de Deus,
R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.
Amém.

Oremos
Senhor Deus, nós Vos suplicamos que concedais a Vossos servos gozar uma perpétua saúde do corpo e da alma, e que pela intercessão gloriosa da bem-aventurada sempre Virgem Maria sejamos livres da presente tristeza e gozemos a eterna alegria. Por Jesus Cristo, Nosso Senhor.
Amém.

Salve Rainha…

Consagração a Maria Santíssima

Santa Maria, Mãe de Deus e Virgem, eu, Vosso indigno servo, escolho a Vós hoje por minha mãe, protetora e advogada, e em prova da minha devoção me ofereço todo a Vós.

Em Vós, depois de Jesus, ponho toda a minha esperança. Vós sois a Virgem poderosa, o Auxílio dos Cristãos, o Refúgio dos pecadores, e nunca se ouviu dizer que algum daqueles que pediram o Vosso auxílio fosse por Vós desamparado. A Vós, por isso, neste dia, com toda a confiança me entrego.

Aceitai-me, Senhora amabilíssima, para sempre, no número dos Vossos servos. Sede minha protetora durante toda a minha vida, e quando chegar a minha última hora, assisti-me piedosamente na agonia e deixai-me morrer em paz nos Vossos braços, ó clemente, ó piedosa, ó doce Virgem Maria!
Amém.

Devoções - LeiaMe!

Semeando a cultura de Pentecostes



Orações ao Espírito Santo.

.

Oração ao Divino

Espírito Santo

.

(Cardeal Verdier)

.

Ó Espírito Santo, amor do Pai e do Filho!

Inspirai-me sempre aquilo que devo pensar,

aquilo que devo dizer,

como eu devo dizê-lo,

aquilo que devo calar,

aquilo que devo escrever,

como eu devo agir,

aquilo que devo fazer, para procurar

a Vossa glória, o bem das almas e minha própria santificação.

Ó Jesus, toda a minha confiança está em Vós.

Ó Maria, Templo do Espírito Santo, ensinai-nos a sermos fiéis àquele que habita em nosso coração.

 


pombinha[1]

Súplica

Ao Espírito Santo

Devoções

.

Vinde, Espírito Santo, terníssimo Consolador. Minha alma suspira por Vós, meu coração tem sede de Vós. Só Vós podeis saciar os meus anseios, só Vós podeis fazer-me feliz. Divino Esposo, não rejeiteis a morada de meu pobre coração. Sim,V. Meu coração é impuro,


R. Mas podeis purificá-lo.

V. Meu coração é tenebroso,

R. Mas podeis iluminá-lo.

V. Meu coração é mau,

R. Mas podeis saciá-lo de amor.

V. Meu coração é triste,

R. Mas podeis consolá-lo.

V. Meu coração é fraco,

R. Mas podeis fortalecê-lo.

V. Meu coração é frio,

R. Mas podeis abrasá-lo.

V. Meu coração é terreno,

R. Mas podeis enchê-lo de desejos celestiais.

V. Meu coração é pecador,

R. Mas podeis orná-lo de todas as virtudes.

V. Meu coração é inconstante,

R. Mas podeis torná-lo perseverante.

Vinde, pois, ó Espírito Santo, Pai dos pobres, vinde, inundai-me de Vosso amor!Devoções


Oração ao Espírito Santo

Vinde Espírito Santo e mandai lá do céu um raio de vossa luz!

Vinde Pai dos pobres,distribuidor dos bens !

Vinde oh luz dos corações, doce hóspede e suave alegria das almas!

Vinde consolador ótimo ,consolar os aflitos !

Vinde aliviar os trabalhos,temperar os ardores ,enxugar as lágrimas !

Oh luz beatíssima,inflamai o íntimo dos corações de vossos fiéis!

Sem a vossa graça, nada há no homem, que possa ser inocente !

Lavai pois o que é sórdido,regai o que é seco,sarai o que está enfermo !

Abrandai o que é duro,abrasai o que é frio ,reconduzi o desviado !

Concedei aos vossos servos,que em vós confiam o setenário de vossos dons !

Dai-lhes o mérito das virtudes,o dom da graça final e o glorioso prêmio do prazeres eternos .

Amém!


Quero ser Batizado no Espírito Santo?

Ele Vos Batizará com Fogo e no Espírito Santo!

INVOCAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO

Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Oremos : Ó DEUS, que instruístes os corações dos vossos fiéis com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo o mesmo Espírito e gozemos sempre de sua consolação. Por CRISTO, Senhor nosso. Amém!


Novena do Espírito Santo.

//mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/pentecostes-ico.jpg” contém erros e não pode ser exibida.
http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/dons-do-espirito.jpg
http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/frutos-do-espirito.jpg

Oração para pedir

Os Dons do Espírito Santo

Senhor, enviai Vosso Espírito

e tudo será criado

e renovareis a Face da Terra!

Senhor, que perscrutais todos os corações e conheceis todos os problemas, Espírito de Luz e de Amor, derramai sobre mim, eu vos suplico, a plenitude de vossos Dons.

Dai-me o Espírito de Sabedoria, que me faz ver as coisas, não de acordo com o julgamento deste mundo, mas de acordo com o Vosso.

Ó Senhor, que eu possa repetir, como Salomão: “Desde a minha infância eu amei a Sabedoria e a escolhi para minha companheira na vida.

Eu a preferi acima de tudo

o que é mais esplêndido no mundo,

e pensei que as riquezas

nada eram comparadas

com o preço de tamanha jóia.

Todas as coisas boas vieram

por intermédio dela,

e em todas as minhas dores e sofrimentos,

ela sempre foi o meu consolo

e a minha alegria”. (Prov. 8).

Dai-me também o Espírito de Inteligência, que me ilumina no conhecimento das Escrituras e das grandes Verdades Eternas.

A Fé e a Humildade são as virtudes que atraem o Espírito de Inteligência para a alma.

A Fé que nos submete para melhor compreendermos; a Humildade prontamente nos faz reconhecer nossa ignorância.

Dai-me o Espírito de Conselho, que ilumina o caminho para os Céus e evita que me perca como um viajante tolo que pega um caminho desconhecido sem um guia.

Dai-me o Espírito de Ciência, que me ensina que a ciência da Salvação é a única necessária, a única sem a qual nenhuma ciência humana se pode realizar.

Dai-me o Espírito de Força, que não me deixa tão fraco após o mínimo esforço, tão débil quando tenho que obedecer ao invés de fazer o que desejo, ou trabalhar quando não tenho o menor desejo de fazê-lo, que me dá força para conquistar a mim mesmo quando a Lei de Deus assim me ordena!

Dai-me o Espírito de Piedade, que dá ao meu coração uma atração filial para com o Pai e que me faz servi-lo com alegria e tranquilidade!

Dai-me o Espírito de Temor, temor filial que, combinado com o respeito e o amor, me faz evitar cuidadosamente tudo aquilo que possa desagradar a Deus, nosso Pai!

Ó Dons Preciosos, cuja excelência aprendi a conhecer, vede como minha alma clama por Vós com confiança e se Vos abre com Amor.

Santos Apóstolos, que no Dia de Pentecostes recebestes os Dons do Espírito Santo, concedei-nos, com algumas das mesmas graças, uma fidelidade similar à que era vossa, de modo que, acreditando naquilo que recebestes e transmitistes, praticando os vossos trabalhos, vivendo e morrendo com a Igreja que vós fundastes, possamos compartilhar convosco,

Ó Santos Apóstolos, a regozijadora recompensa dos Céus!

Que assim seja!

 



ORAÇÃO PARA PEDIR

OS FRUTOS DO ESPÍRITO

Senhor, recebemos de vossas mãos as sementes da liberdade, da justiça, do amor e da paz.

Fazei de nós semeadores da boa semente.

Que o vosso Espírito nos conduza nesta missão de semear fraternidade e promover a vida.

Livrai-nos das ervas daninhas do egoísmo, da injustiça e de todo mal.

Quando ela cresce entre nós dá frutos amargos de “fornicação, impureza libertinagem, idolatria, superstição, inimizades, brigas, ciúmes, ódio, ambição, discórdias, partidos, invejas, vícios, orgias e outras coisas semelhantes”.

Livrai-nos destes frutos de morte!

Que a vossa boa semente, regada pela Água Viva do vosso Espírito, dê abundantes frutos de vida.

Dai-nos, Senhor, os doces frutos do Espírito Santo:

“caridade, alegria, paz, paciência, afabilidade, bondade, fidelidade, brandura e temperança”.

Que o Dom do Amor, derramado em nossos corações, possa frutificar cada vez mais a fim de saciar quem tem fome e sede de justiça.

Mas que nossos frutos de solidariedade e de promoção humana possam saciar também tantos irmãos e irmãs famintos de pão, de saúde, de emprego e de escola.

Senhor, presente no supremo fruto da Eucaristia, fazei de nós hóstias vivas para alimentar vosso povo faminto de pão e de esperança.

Enviai o vosso Espírito, doador de todos os dons, e dai-nos os vossos frutos de Amor. Amém.

Pe. Joãozinho, scj – Oração inspirada em Gálatas 5,13-26


ORAÇÃO PARA PEDIR

OS DONS DO ESPÍRITO SANTO

Vinde Espírito Santo

E dai-nos o Dom da Sabedoria

Para que possamos avaliar todas as coisas à luz do Evangelho

E ler nos acontecimentos da vida os projetos de amor do Pai

Dai-nos o Entendimento

Uma compreensão mais profunda da verdade

A fim de anunciar a salvação com maior firmeza e convicção

Dai-nos o Dom do Conselho

Que ilumina a nossa vida

E orientai a nossa ação segundo vossa Divina Providência

Dai-nos o Dom da Fortaleza

Sustentai-nos no meio de tantas dificuldades

Com vossa coragem para que possamos anunciar o Evangelho

Dai-nos o Dom da Ciência

Para distinguir o Único Necessário

Das coisas meramente importantes

Dai-nos Piedade

Para reanimar sempre mais nossa íntima comunhão convosco

E, finalmente, dai-nos vosso santo Temor

Para que, conscientes de nossas fragilidades,

Reconhecermos a força da vossa graça.

Vinde Espírito Santo

E dai-nos um novo coração. Amém.

Pe. Joãozinho – Oração inspirada na Carta de João Paulo II aos sacerdotes do mundo inteiro por ocasião da quinta-feira santa de 1998.


RCC ANÁPOLIS
http://presentepravoce.files.wordpress.com/2008/05/terco.jpg?w=130&h=120
http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/paixao-de-jesus.jpg?w=130&h=120
http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/eucaristia.jpg?w=130&h=120




 



Oração ao Espírito Santo


Ó Espírito Santo, Espírito divino de luz e de amor, eu Vos consagro a minha inteligência, o meu coração, a minha vontade, todo o meu ser, no tempo e na eternidade.

Seja a minha inteligência sempre dócil às celestes inspirações e à doutrina da Santa Igreja Católica, da qual sois infalível guia; seja o meu coração sempre inflamado de amor por Deus e pelo próximo; seja a minha vontade sempre conforme com a vontade divina, e toda a minha vida uma fiel imitação da vida e das virtudes de Jesus Cristo Nosso Senhor e Salvador, ao qual com o Pai e convosco seja dada honra e glória para sempre.

Assim seja.

Ó Espírito Santo, eu Vos adoro.

Esclarecei‑me, guiai‑me, fortificai‑me, consolai‑me, dizei‑me o que devo pensar, dizer, fazer e dai‑me as Vossas ordens; prometo submeter‑me a tudo que desejardes de mim e aceitar tudo que permitirdes que me aconteça, fazei‑me unicamente conhecer a Vossa vontade santíssima e concedei‑me a graça de a cumprir fielmente.

Espírito Santo, sede o princípio de todas as operações da minha alma, para que sejam sempre conformes ao Vosso Divino Beneplácito!



Eliana Ribeiro

Vem Espírito Santo






Na Língua dos Anjos




Projeto “Reinflamando” os Grupos de Oração.

Rvmo.

Bispo Diocesano

Dom Frei João Wilk.

Srs. Coordenadores de Grupo de Oração.

Assunto:

Projeto “Reinflamando” os Grupos de Oração.


Vimos através deste apresentar o Cronograma de Evangelização e Formação para os Grupos de Oração na Diocese de Anápolis.


a) O trabalho de evangelização será desenvolvido no Grupo de Oração em três etapas em forma de novenas descritas abaixo.:



I Novena: de experiência com Deus:


1ª Semana: Amor do Pai

2ª Semana: O Pecado

3ª Semana: Salvação

4ª Semana: Fé e Conversão

5ª Semana: Senhorio de Jesus

6ª Semana: Falsas Doutrinas

7ª Semana: Cura Interior

8ª Semana: Espírito Santo

9ª Semana: O Amor aos Irmãos


II Novena: Espírito Santo


1ª Semana: O Espírito Santo no Seio da Santíssima Trindade

2ª Semana: O Espírito Santo é Deus

3ª Semana: O Espírito Santo é uma Pessoa.

4ª Semana: O Espírito da Promessa no Antigo Testamento

5ª Semana: A catequese de Jesus sobre o Espírito Santo

6ª Semana: Espírito Santo, dom de Deus.

7ª Semana: Sereis batizados no Espírito Santo

8ª Semana: A Efusão do Espírito Santo

9ª Semana: Capacitado para servir.


III Novena: Mãe da Esperança


1ª Semana: Família Santuário da Vida

2ª Semana: Espiritualidade Cristã

3ª Semana: Equilíbrio Financeiro

4ª Semana: Saúde do corpo e da alma

5ª Semana: Os frutos do Perdão

6ª Semana: Verdadeira Doutrina

7ª Semana: As virtudes cristãs

8ª Semana: Fé fundamento da esperança

9ª Semana: Compromisso cristão


IV Novena: Família Santuário da Vida:


1ª Vivendo o amor

2ª Crescendo juntos na fé

3ª Eu e minha casa serviremos ao Senhor.

4ª Família Santuário da Vida

5ª Construindo uma família santa

6ª Família uma boa nova para mundo

7ª Família o coração da Evangelização

8ª A reconciliação e o perdão na família

9ª Filhos, dom de Deus para família e para a sociedade.


b) A Formação Doutrinal será semanal e direcionada a quaisquer lideranças e demais interessados. Conforme segue abaixo:


01 – Virgem Maria

02 – Sobre o Batismo

03 – Sobre a Idolatria

04 – Respostas aos protestantes sobre o uso da vela

05 – Confissão

06 – Eucaristia

07 – Sobre o Celibato

08 – Papado

09 – Sobre intercessão

10 – Protestantes dizem que católico não lê a Bíblia

11 – Porque os católicos rezam pelos mortos?

12 – Argumentos protestantes sobre a cruz

13 – Respostas aos protestantes sobre a Fé e as Obras

14 – Respostas aos protestantes sobre as Relíquias Milagrosas

15 – Nós somos salvos de uma vez por todas?

16 – Única Igreja

17 – Sobre as Seitas

18 – Espiritismo

19 – Origens de algumas seitas

20 – Bíblia – A única fonte da Fé?


Essa formação estará contida em um livreto ainda em fase de elaboração e sujeita a aprovação eclesiástica.

..

A Formação será ministrada por uma equipe diocesana em conjunto com a coordenação do Grupo de Oração.

Pedimos sua avaliação e sua bênção para este trabalho.

.

Atenciosamente,

.

Júnio César Gama Bispo

Coordenador Diocesano da RCC Anápolis.

Clic para arquivo em .doc World.

projeto-reinflamando-os-grupos-de-oracao


agenda_rcc_2009

.